,

DESCUBRA COMO FAZER A GESTÃO DE SITES

A gestão de sites e blogs já tornou-se uma parte integrante das marcas e negócios. Pois estamos vivendo uma economia do conhecimento, a qual valoriza a informação na palma da mão. Você sabia que 81% dos consumidores e 94% dos compradores fazem pesquisas online antes de tomarem a decisão de compra?

Aqui neste post,  vou passar pra vocês as ferramentas para monitorar e aprender as dicas para otimização dos sites de maneira organizada, profissional evitando assim qualquer imprevisto. Antes vamos entender mais sobre a gestão de sites.

O QUE É A GESTÃO DE SITES? –  A edição e inserção de conteúdos como as imagens, vídeos, artigos, eventos etc… a qual pretendam disponibilizar aos seus clientes que fazem parte da gestão atina em um website.

Agora vou te mostrar o porquê da importância de se fazer uma boa gestão de site,  primeiro se o site do seu cliente não estiver na primeira página do Google ou se sofrer um downtime no momento a qual os clientes estarão fazendo pesquisas de compra, perderá muito dinheiro.

Existe algumas razões para gerenciar o desempenho dos sites e são algumas delas:

PROTEGER A IMAGEM DO NEGÓCIO : 

Seja ele site do e-commerce ou até mesmo uma loja física, blogs a qual vendem produtos digitais, a imagem da marca é muito importante. O site funcionará como um cartão de visitas. As quedas constantes ou baixa velocidade de carregamento prejudicam a reputação da empresa a qual passa uma imagem de preguiça, desleixo e até mesmo de incompetência.

MANTER OS CLIENTES FELIZES :

Uma das maneiras de deixar o cliente do desenvolvedor feliz é manter os clientes felizes,ou seja, quem traz a receita para as empresas. Gerenciar sites é muito importante para assegurar a quem vai visitá-los e terem uma boa experiência pois encontrarão o que procuram em poucos segundos, afinal a concorrência está a apenas um clique de distância.

PREVENÇÃO A PERDAS DE VENDAS :

Quando o volume de vendas de um site é maior, o seu valor ficará mais em alta a cada segundo. Imagina então: um exemplo AMAZON ou até uma outra grande rede brasileira de varejo, pode ter o site fora do ar durante meia hora. A importância da gestão entra em cena, pois reduzirá esse risco e tornará mais fácil corrigir o problema quando acontecer.

MELHORANDO O SEO : 

O Google não quer apontar o usuário para um site lento ou ruim, além do mais um site rápido é rastreado pelos crawlers com mais frequência, de modo que roubaram rapidamente as novidades.

DETECTANDO OS HACKERS :

Com o monitoramento constante avisando ao webmaster, seja por SMS ou até mesmo o e-mail, de problemas com o downtime a qual indicam a atividade dos hackers, permitindo assim reações mais rápidas aos ataques.

FERRAMENTAS DE GESTÃO :

A utilidade dos aplicativos de gerenciamento de projetos como a Trello, Asana, Air Table, Kanban Tool, ou até mesmo o Google agenda para turbinar a produtividade. Trabalhando sozinho ou em equipe eles serão uma mão na roda para quem precisa manter várias “panelas no fogo ao mesmo tempo” assim ajuda a planejar melhor o uso do tempo e disparando lembretes para evitar que os prazos estourem.

MANTENDO OS SITES ATUALIZADOS :

  • Marque datas : A atualização dos sites devem ser pelo menos uma vez ao mês, assim assegura-se que as informações estarão sempre em dias. 
  • Mantendo a coisa mais simples: Caso alguma ferramenta esteja deixando a atualização mais lenta provavelmente isso afetará a experiência do usuário também. Como corrigir? Livre-se de tarefas pesadas demais, certas informações funcionaria bem no Twitter da empresa ou então considere twittar em vez de fazer um blog post a qual exigirá imagem no tamanho certo, palavras-chaves etc…
  • Não usando páginas estáticas : Use a maior proporção possível de conteúdos estruturados, as informações são catalogadas em um campo diferente da base de dados, simplificando assim a vida de qualquer pessoa ao adicionar o conteúdo permitindo assim que a informação seja utilizada facilmente em feeds, aplicativos etc…

Desenvolver é sempre muito importante, mas fazer a gestão de sites é fundamental. É ela que vai assegurar que os sites estão cumprindo o papel de entrega da informação rápida aos usuários e funciona como e-commerce ou cartão de visitas da empresa. Com essas dicas você em breve estará monitorando os sites de uma maneira mais eficiente e organizada. Gostou? CLICA AQUI para uma sugestão ou se tiver alguma dúvida.  🙂

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.